Novidades:
Procurando...

Mercado editorial em crise



Um assunto que volta e meia ressurge aqui no blog é o mercado editorial. Não atoa, pois desde 2014 trabalho neste mercado. Aliás, caso queira conhecer um pouco mais de detalhe sobre o que é design editorial, sugiro link 1 (sobre quem compõem a base de qualquer editoria) e link 2 (explicação rápida sobre diagramação).

Contudo, falarei hoje um pouco sobre o meu ponto de vista sobre os problemas do mercado editorial. Vejamos bem, eu tenho quatro anos de experiência trabalhando diretamente com a área de educação, como designer gráfico especialista em editorial (cada material exige uma especificidade, portanto: o conteúdo de educação tem moldes diferentes que os livros literários, tanto em questão projetual, quanto em prazo). Contudo, aos poucos é bom observar também outras questões, que vão além do da parte técnica, e sim questões de logística, administração e planejamento.

No começo do mês de agosto, a Editora Abril anunciou a demissão de mais de 800 funcionários e o fechamentos de alguns títulos. Incluso nessa equação ela também fechou uma das maiores e mais importantes distribuidora desse material, a Dinap. Ouvir noticias como essa em um país que passa ainda com muitas dificuldades econômicas, não é raro (infelizmente). Agora, ter a compreensão do impacto econômico e social gera na população, também não é uma tarefa simples. Por tudo isso, faço questão de trazer a vocês as recomendações desses duas "aulas": episódio #57 do Confins do Universo e o episódio #102 do Visual+mente.

Para mim são "aulas", pois a riqueza de informações que possuem ali são difícil de encontrar em outro material, além de serem pessoas com larga experiência no mercado, logo falam com muita propríedade. O Confins do Universo é formado por: Sidney Gusman, Marcelo Naranjo e Samir Naliato. Os três possuem uma larga experiência com o mercado de história em quadrinhos, inclusive eles que alimentam o Universo HQ, um dos maiores sites sobre o assunto no Brasil. Já o Visual+mente formado por Rafael Ancara e Ricardo Cunha Lima são professores de Design e também já trabalharam com infografia. No V+M você entenderá a importância da revista Mundo Estranho para a Infografia, ilustradores e designers (e até para a memória gráfica brasileira) contando com muitas histórias de bastidores. Enquanto no episódio do Confins do Universo, é possível compreender qual a estrutura que existe no mercado editorial e quais são as falhas que acarretou na grande perda da Abril. E também perceber os problemas que existem para montar uma editora, conquistar espeço no mundo dos quadrinhos!!

Eu sei que as noticias não são boas, mas exige uma reflexão e uma mudança de postura (tanto das editoras quanto dos leitores). Espero que aproveitem as dicas e deixa aqui a sua opinião.

0 comentários:

Postar um comentário