Novidades:
Procurando...

Sua Vez!


Esses tempos a atrás Rennan me passou o link de TED. No caso era a palestra de Fernando Tsukuno sobre jogos e as experiência as eles trazem. 



 
E além de ser muito gostoso de ouvir a narrativa, eu concordei muito com o raciocínio que ele constrói ao longo de 13 minutos de fala. Jogos são uma ótima maneira de conectar pessoas e de aprender.

Quando pequena, eu ganhei o jogo "Imagem e Ação". O objetivo dele era fazer que o outro jogador adivinhasse uma palavra só com linguagem visual. E lembro de alguns momentos durante as férias em Santa Catarina eu e minha família jogando - tanto que foi nesse jogo que aprendi a palavra "comboio". Ou então, quando era fim do semestre, professor já acabou o conteúdo e vinha as rodadas de STOP - a adrenalina de lembrar de todos os itens da letra selecionada. Minha seção favorita era CEP da qual me esforçava para sair do ponto comum, mas sempre empacava na categoria cor (sim, eu uso gelo como cor).

O tempo passou. Os jogos diminuíram até que veio os jogos de tabuleiros modernos.

Foi em uma das minhas visitas a família, eu e Rennan haviamos levado Ticket to Ride - mapa Europa. Para quem não conhece o jogo, o objetivo dele é criar estrada de trem e ligar cidades (e se possível a mais longa). De primeiro o jogo já é uma aula de Geografia, pois passa um bom tempo encarando os pontos da cidade. Segundo foi redescobrir os parceiros de jogos e entender o perfil de cada um: meu cunhado é mais da zoação enquanto meu pai é mais analítico. Passamos desde o momento simples de juntas cartas  vai até as grandes reviravoltas épicas para acalorar nossas partidas.

E como o ano está em inicio fica aqui a nossa dica de planos para 2017: jogue mais! 

OBS: caso queira conhecer o jogo Ticket to Ride, veja essa vídeo. O mapa muda um pouco, mas as regras básicas são iguais.

0 comentários:

Postar um comentário